MINHA LADY JANE, DE CYNTHIA HAND, BRODI ASHTON E JODI MEADOWS - RESENHA.

by - 10:00

          


"Toda história tem duas versões...afinal, às vezes a História precisa de uma mãozinha".


  Minha Lady Jane, de Cynthia Hand, Brodi Ashton e Jodi Meadows, é baseado em uma história real.
Jane Grey foi rainha por 9 dias, depois perdeu a cabeça, literalmente.
   É isso que você precisa saber.
  As três escritoras (ou Lady Janies), se reuniram para deixar esse fato um pouco mais divertido.
  É o seculo XVI, na Inglaterra (foi ai que eu me apaixonei por esse livro, antes de lê-lo, eu tenho uma fissura por Inglaterra e realeza), com o Rei Eduardo VI.
  O jovem Rei está morrendo. Com isso, ele precisa urgentemente um sucessor ao trono. Seu conselheiro o convence a nomear Lady Jane Grey, melhor amiga e prima do Rei, a próxima Rainha da Inglaterra.
  Lady Jane (vamos chama-la apenas de Jane), tem 16 anos, e a única coisa que ocupa sua mente são seus livros. Muitos livros. Então, ela recebe a noticia que terá de se casar com um homem estranho,que tem a habilidade de se transformar em um cavalo, Gifford. e também se tornará a nova Rainha.
  Porém os conflitos acontecem, e em 362 páginas, com a visão de três personagens, a história da reviravoltas e mais reviravoltas.
  Jane, quando Rainha, passa a desconfiar que a coroação não passa de um plano para, quem estivesse o tramando, pegar o trono para si.

  Certo, agora que você já sabe do que se trata essa história, vamos falar um pouco mais sobre.
  Vamos começar com a capa. Eu vi esse livro pela primeira vez em uma livraria, e eu amei a capa e amei a sinopse (apesar de ter achado um pouco estranho " habilidade de se transformar em cavalo", mas depois eu comecei a ler e entendi tudo).
  Eu nunca tinha lido nada de Cynthia Hand, e fazia um certo tempo que eu queria ler.
  O livro tem um furão na lombar. Só queria mesmo dizer que achei muito fofo.
  Os personagens me conquistaram. Eu amei Eduardo, apesar de ele ser bem machista (porém a gente entende, afinal se passa no século XVI, e depois, para o final da história, ele percebe que isso é uma grande besteira). Amei, com todo meu coração, o Gifford. Foi o personagem que mais me cativou ao longo da história, com muito humor. E tem a Jane, que estrela a capa do livro. Certo, foi a personagem que eu menos gostei, achei ela muito irritante, pelo fato de ficar brava com absolutamente tudo e ser muito teimosa. Fazendo assim, os outros personagens girarem em torno dela. Porém em algumas partes do livro (digamos, mais para o final), ela se mostrou bastante prestativa.
  Eu gostei muito da narrativa em terceira pessoa, mas eu queria saber (caso alguém saiba, por favor coloque aqui embaixo nos comentários), o que cada escritora escreveu na história.

  Minha Lady Jane é um livro incrível. Eu recomendo para todos. Leitura rápida, fluente e enredo completamente cativante.

  Comente aqui em baixo o que achou dessa resenha, e se já leu esse livro. Compartilhe com seus amigos e me siga no WattPad, leia meu livro: VIGIADOS - 7 Dias Para Sobreviver.




You May Also Like

0 COMENTÁRIOS