/a>

18/11/2016

MENINA MÁ,RESENHA DO LIVRO DE WILLIAM MARCH DA DARKSIDE.#TerrorNoAmanditta



  Hey Gallera!!

  Hoje,iremos falar do livro Menina Má de William March.
  Menina Má,ou originalmente The Bad Seed,foi lançado em 1954 por William March,teve sua estreia nos cinemas em 1997 e relançado no início de 2016 pela DarkSide.

  Menina Má conta a historia de Rhoda Penmark,uma garotinha de 8 anos que é psicopata!
  O livro é narrado por Christine Penmark,mãe de Rhoda.
  Quando Christine percebe a frieza de sua filha ao matar um colega da escola,nossa narradora começa a investigar casos de pessoas psicopatas e serial killers.
  O problema é que todas as pessoas se encantam por Rhoda,uma criança que aparenta ser muito amorosa e querida.
  Os adultos,pelo fato de Rhoda ser apenas uma criança,ignoram qualquer claro sinal de "anormalidade" .

  "Seria a maldade uma espécie de semente que carregamos dentro de nós, capaz de brotar na mais adorável das crianças?"

  A escrita de March me lembrou vagamente de Jane Austen,no início confesso que achei monótona a história,empurrei a leitura quase o livro todo.
  Mas o livro acabou por se tornar um de meus favoritos.
  Como isso?
  Leia,leia o livro nem que seja apenas pelo final.Um dos finais mais surpreendentes que já li.
  Na verdade,até agora não sei exatamente que conclusões tirar das últimas páginas.
  Foi algo assustador.
  Fiquei chocada com o que aconteceu e com a forma brutal de como foi tratado.

  Tem uma postagem aqui no blog,OS 5 MELHORES LIVROS SOBRE PSICOPATAS DA DARKSIDE,que faz parte da série #HalloweenNoAmanditta,onde eu citei o livro Menina Má e vários outros.

  Um livro que vale muito a pena ler,a história é muito bem construída e com a narrativa intensa que se torna impossível não colocar-se no lugar da personagem e sentir suas aflições.

  O livro também faz críticas irônicas à sociedade daquela época.

  Muito obrigada por ter lido até aqui e ter compartilhado com os amigos.Comente aqui embaixo se você já leu o livro e o que achou.Até mais!



Nenhum comentário:

Postar um comentário